Uruguai 2 x 1 Coreia do Sul. Camisa pesa? pesa.

O Uruguai é o primeiro classificado para as quatras-de-final da Copa de 2010, depois de ter vencido a Coreia do Sul neste sábado (26/6) por 2 a 1. Campeão em 1930 e 1950, quarto colocado em 1954 e 1970, há quarenta anos o país não fazia uma campanha tão boa em Mundiais. E desde 1954 o time não vencia três partidas seguidas em um Mundial, Pode-se dizer que o retrospecto antigo, que fez sua camisa ter peso no cenário futbolístico mundial, jogou a seu favor diante dos sul-coreanos, pelo menos na hora de decidir a partida.

Os coreanos mostraram que, mesmo com apenas um atacante de ofício, é possível ser ofensivo. Aplicaram uma correria nos primeiros minutos e mandaram uma bola na trave. Mas, na primeira oportunidade real, o Uruguai abriu o placar, com Suárez aproveitando uma falha coletiva da defesa. Mais cascudos, os sul-americanos tinham uma linha de três zagueiros (Godin, Lugano e Fucile) e se fecharam com competência, bloqueando a correria adversária. E os atacantes Cavani e Suárez, alimentados por Forlan, ainda incomodaram a zaga asiática. No fim da etapa, o árbitro ingorou um pênalti de Ki Sung Yueng, que, dentro da área, usou o cotovelo para bloquear um chute de Maxi Pereira.

Na etapa final, porém, o Uruguai abdicou de atacar e foi acuado. A Coreia do Sul fazia jogadas velozes e dominava a partida. Aos 23 minutos, depois de muito insistir, empatou o jogo, com Lee Chung-yong. No lance, Lugano atrapalhou a saída do goleiro Muslera e não deu combate ao coreano, que finalizou de cabeça. Somente depois de ter sofrido o empate, os sul-americanos voltaram ao jogo. Suárez perdeu duas boas chances de desempatar, mas aos 35 minutos ele ficou com a bola ap´pos uma cobrança de escanteio, cortou Kim Jung Woo e bateu cruzado, colocado, no canto esquerdo do goleiro. E a Coreia, na oportunidade que teve para empatar, perdeu. Lee Dong Gook, de frente para o gol, bateu em cima de Muslera, e Lugano evitou que a bola entrasse. O Uruguai estava classificado.

URUGUAI 2
Muslera; Godín (Victorino), Lugano e Fucile; Maxi Pereira, Pérez, Arévalo, Forlán e Alvaro Pereira (Lodeiro); Cavani e Suárez (Alvaro Fernández). Técnico: Oscar Tabárez

COREIA DO SUL 1
Jung Sung-ryong; Cha Du-ri, Cho Yong-hyung, Lee Jung-soo e Lee Young-pyo; Ki Sung-yueng (Yeom Ki-hun), Kim Jung-woo, Lee Chung-yong, Kim Jae-sung (Lee Dong-gook) e Park Ji-sung; Park Chu-young. Técnico: Huh Jung-moo

Gols: Suárez (8-1º), Lee Chung-yong (23-2º) e Suárez (35-2º)
Local: estádio Nelson Mandela Bay, em Port Elizabeth
Juiz: Wolfgang Stark (Alemanha)
Cartões amarelos: Kim Jung-woo e Cha Du-ri

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display